Gartner estima que 20% das grandes empresas utilizarão moedas digitais até 2024

De acordo com o Gartner, 20% das grandes empresas globais usarão moedas digitais para realizar pagamentos até 2024, para armazenar valor para operação (stored values) ou para criar garantias digitais para uso em longo prazo.

Diante deste cenário, os analistas ressaltam que é importante que os executivos de finanças (CFOs) avaliem quais são as diferentes opções de uso e os potenciais riscos trazidos com a adoção das moedas digitais. É preciso identificar as modalidades de negócios que poderão ser utilizadas de maneira segura e eficiente para a realização de transações digitais empresariais nos próximos anos.

Antes de avaliar quais são as moedas mais apropriadas e incorporá-las às operações das companhias, os analistas do Gartner recomendam primeiramente a identificação de quais são os casos de uso específicos das moedas digitais e como essa utilização impactará cada organização. Cada caso de uso primário é acompanhado de uma série de considerações tecnológicas, regulatórias, jurídicas e estratégicas que precisam ser avaliadas tanto pelos executivos de finanças como pelos técnicos, pois impactam diretamente a seleção de fornecedores e a formação de uma equipe habilitada para monitorar e reagir às orientações regulatórias contínuas dessas aplicações.

Segundo o Gartner, o aumento do interesse começou no início de 2021. Apesar da volatilidade de criptomoedas continuar sendo uma preocupação, a antecipação de orientações regulatórias mais claras e o advento de moedas geradas pelos próprios bancos centrais agora oferecem aos líderes mais caminhos para os testes de uso das moedas digitais, aponta a consultoria.

Adoção impulsionada por diferentes fatores

A previsão do Gartner para adoção mais ampla de moedas digitais até 2024 é parcialmente guiada pelo ambiente já saudável de fornecedores de serviço e soluções prontas para uso. Dentre a maioria dos casos de uso já identificados, o Gartner aponta que não será necessário desenvolver uma aplicação de Blockchain customizada.

Isso porque muitas empresas do setor financeiro já fizeram o trabalho pesado na área, o que deve prover às grandes empresas um mínimo de atrito na implantação de suas próprias aplicações de moeda digital.

Outros fatores que podem fazer aplicações de moeda digital mais palatáveis para CFOs nos próximos um a dois anos são a proteção contra a inflação, maior clareza regulatória, melhorias no uso de energia e adoção por funcionários, consumidores e fornecedores.

 

  • Fonte: TI Inside
  • Imagem: Freepik
  • 04 de janeiro de 2022

NOTÍCIAS RECENTES

Associados

Parceiros

Assessorias