Grupo RHTI

Com ambiente flexível e colaborativo, o Grupo RHTI da Assespro-RS desenvolve práticas na Gestão de Recursos Humanos voltadas para desafios encontrados nas empresas de TI há seis anos.

Os temas abordados sugerem uma comunicação aberta e eficaz com os participantes para a obtenção de resultados positivos nas suas respectivas empresas. Com a interação dos RHs e compartilhamento de informações para garantir melhores práticas de gestão, o grupo busca tornar-se referência de RH no mercado de TI. 

Ficha de Adesão para participar do Grupo – CLIQUE AQUI
Preencha a ficha e envie para assespro@assespro-rs.org.br


Projetos para 2022

Próximo encontro:
18 de outubro – Felicidade Consciente,  Online

  • Papel do RH (autoconhecimento);
  • Desafios para manter o engajamento de times remotos;
  • Contratação PJ/CLT
  • Mais projetos em breve!

Temas abordados recentemente

4 pilares da inteligência Emocional
Gestão de times remotos
Carreira Tech: Contratações de Milhões
RH Estratégico x RH Humanizado
Fusões & Aquisições x Cultura Organizacional
Conversas difíceis no RH
Atração e retenção de talentos de TI, Cases de Recrutamento e Seleção
O que a pandemia ensinou aos profissionais de RH
Do RH Tradicional ao RH Ágil 
Benefícios Flexíveis
Etarismo: de repente 50+ e agora?
Teletrabalho – Perguntas e respostas
Retorno ao modelo presencial: Desafios e incertezas
Luto em tempos de pandemia: o que muda ao dizer adeus
Saúde Mental: A revolução do autoconhecimento

Objetivo!

Aproximar profissionais de RH das empresas associadas da ASSESPRO-RS  para abordarem assuntos do setor de TI e práticas de eficiência em gestão de pessoas, a fim de auxiliar estrategicamente as empresas nos seus processos de Recursos Humanos.

Propósitos

  1. Compartilhar conhecimento através da troca de informações;
  2. Criar integração nos RHs das empresas;
  3. Aprimorar políticas de gestão de pessoas;  
  4. Promover a aplicação das melhores praticas de RH dentro das empresas;
  5. Colaborar estrategicamente com a gestão de pessoas nas empresas, visando atrair, desenvolver e manter os recursos humanos.
Formato

Encontros mensais,
Terceiras terças-feiras de cada mês.
Das 9h às 10h30 na modalidade online (em consequência das medidas de isolamento social – Modalidade TEMPORÁRIA)

Novos integrantes: O grupo estará aberto para receber novas empresas/integrantes para participar do grupo, desde que não ultrapasse 50 empresas associadas.


Quem pode participar?

As empresas associadas da ASSESPRO-RS participarão através de seus profissionais de RH atuantes do setor de TI da empresa, ou profissionais que sejam responsáveis pelo RH. 

A vaga para participar do Grupo pertence a empresa, caso o profissional inicialmente  inscrito venha a se afastar, a empresa então poderá indicar outro profissional.          

Ficha de Adesão para participar do Grupo – CLIQUE AQUI


Veja o Recorte do Encontro de agosto de 2022!
Gestão de times remotos.

A edição de agosto do Grupo RHTI da Assespro-RS, realizada nesta terça-feira (23), destacou o case da consultoria Staff RH sobre gestão de times remotos, apresentado por Andrea Teixeira e Thaís Garziera.

Andrea compartilhou sua vivência de liderança remota praticada desde 2012 quando se mudou para a Austrália e posteriormente para Singapura. Naquela época, a equipe da Staff RH ainda atuava presencialmente no escritório no Brasil, mas com a pandemia foi necessário remodelar a gestão e sobretudo o estilo de liderança.

“Para mim, a pandemia trouxe especialmente o olhar do cuidado para as pessoas, tanto é que uma das primeiras ações foi enviar um kit de máscaras para nosso time no Brasil quando ainda nem se sabia o desfecho da pandemia”, destacou Andrea.

Thaís também comentou que, já no início da pandemia, a empresa tinha a premissa de não fechar sua sede e não demitir ninguém e que felizmente foi possível alcançar esse resultado. “A pandemia exigiu de nós uma mudança forte de mindset e também uma nova adaptação frente ao mercado”, disse.

Andrea observou ainda que o distanciamento, seja pela pandemia, seja pela atuação em outro país, acabou por aumentar a proximidade da liderança com as equipes por meio de um processo de escuta ativa e empatia mais fortes. “Vejo que esse se colocar no lugar do outro só ocorre quando você abre suas fragilidades e eu fiz isso com nossa equipe. Por isso, entendo que hoje quanto mais o líder dividir seus problemas, maiores serão suas chances de sucesso na organização”.

NOTÍCIAS RECENTES

Associados

Parceiros

Assessorias